Facebook pretende colocar toda a África online - MenosFios
Logotipo oficial do MenosFios

Facebook pretende colocar toda a África online


por: Daniel Geto12 de Outubro de 2021

O Facebook anunciou na quarta-feira uma série de novas tecnologias de conectividade que colocarão o continente africano online e melhorarão os projectos de infraestrutura existentes em África e em outros lugares.

Desde 2013, o Facebook Connectivity ajudou a trazer mais de 500 milhões de pessoas online para uma internet mais rápida e agora, a empresa tem como objectivo permitir conectividade acessível com as suas novas tecnologias emergentes.

“Vimos que as economias prosperam quando há uma internet amplamente acessível para indivíduos e empresas. Na Nigéria, o aumento da conectividade de banda larga resultou em um aumento de 7,8% na probabilidade de emprego para pessoas em áreas conectadas a cabos de fibra óptica ”, comenta Dan Rabinovitsj, vice-presidente de conectividade do Facebook.

MAIS: Facebook alarga cabo submarino para África e inclui ligação a Angola

“Enquanto o aumento da conectividade levou um aumento de 19 por cento no PIB per capita na República Democrática do Congo. O Facebook Connectivity trabalha com parceiros para desenvolver novas tecnologias de acesso à internet de alta velocidade. Hoje estamos a partilhar os mais recentes desenvolvimentos em algumas dessas tecnologias de conectividade, que visam fornecer grandes melhorias na capacidade da Internet em todo o mundo por mar, terra e ar ”, avança Dan Rabinovitsj.

Algumas das novas tecnologias de conectividade do Facebook incluem:

  • Investimento na melhoria dos cabos de fibra óptica submarinos e na expansão do seu alcance para conectar mais pessoas:

O Facebook e os seus parceiros lançaram recentemente o primeiro sistema de cabo submarino transatlântico de 24 pares de fibra que conectará a Europa aos Estados Unidos.

Este novo cabo oferece 200 vezes mais capacidade do que os cabos transatlânticos dos anos 2000 e baseia-se nas notícias recentes do Facebook sobre 2Africa Pearls , o cabo submarino que conecta África, Ásia e Europa e torna o sistema de cabos 2Africa o mais longo do mundo, com um capacidade de fornecer conectividade para até 3 bilhões de pessoas.

  • Usar a robótica para implantação de fibra mais rápida :

“Estamos a tornar a implantação de fibra significativamente mais económica por meio do Bombyx, um robô que pode escalar as linhas de energia de média tensão que já existem em grande parte do mundo e instalar fibra nelas. Hoje, o Bombyx é mais leve, rápido e ágil do que nosso design de primeira geração”, disse o Facebook em um comunicado.

O Facebook também está a tornar o Bombyx totalmente autônomo, usar sensores de visão de máquina para navegar melhor em torno de obstáculos. A Bombyx visa fazer a maior queda no custo de implantação de fibra terrestre, combinar as inovações nas áreas de robótica e design de cabos de fibra óptica para aumentar a quantidade de fibra terrestre em terra – sem a despesa de valas para colocar a fibra no subsolo.

  • Terragraph – Conexões de fibra pelo ar:

O Terragraph, uma solução sem fio que transmite conectividade semelhante à fibra pelo ar, já levou a internet de alta velocidade para mais de 6.500 residências em Anchorage, Alasca, e a implantação foi iniciada em Perth, Austrália.

O Facebook licencia o Terragraph gratuitamente para os fabricantes de equipamento original (OEMs). Até o momento, esses parceiros já enviaram mais de 30.000 unidades Terragraph para mais de 100 provedores de serviços e integradores de sistema em todo o mundo.